21 de setembro de 2008

Kurt Baier

A morte é simplesmente irrelevante. Se a vida pode realmente valer a pena, então pode valer a pena mesmo que seja curta. E se não vale de modo algum a pena, então uma eternidade disso é pura e simplesmente um pesadelo. Pode ser triste que tenhamos de deixar este belo mundo, mas só o é se for belo e porque é belo. E não é menos belo por chegar ao fim. Suspeito pelo contrário que uma eternidade dele poderia fazer-nos apreciá-lo menos, e no fim seria um tédio.

Sem comentários:

Enviar um comentário