21 de fevereiro de 2009

Câmara Clara, sobre arte e surrealismo

Estarei amanhã (domingo) à noite no programa da RTP2 Câmara Clara, de Paula Moura Pinheiro, para uma conversa sobre arte, humor e surrealismo com o crítico de arte Rui-Mário Gonçalves.

Não se trata bem de uma discussão filosófica, mas de uma conversa sobre história e crítica de arte, com algumas incursões filosóficas. Aqui fica a sugestão, para quem se interessa pelo assunto.

6 comentários:

  1. Não esqueças depois de postar aqui o video.
    abraço

    ResponderEliminar
  2. Gostei muito do programa. Escolha certeira dos convidados. Parabéns.
    Fiquei com curiosidade de ler mais sobre as várias facetas do humor. Será que me pode aconselhar literatura sobre o assunto?
    Obrigada.

    ResponderEliminar
  3. Aires,

    Tenho andado por "outros lados" e, infelizmente, não me dei conta da coisa.

    Abraço

    ResponderEliminar
  4. Obrigado, Brunhild.

    Como se pode imaginar, não abundam os livros de filosofia sobre o humor. Kant, por exemplo, fala de humor na Crítica da Faculdade do Juízo, mas não tem sequer um capítulo sobre isso. O mesmo acontece em O Mundo Como Vontade e Representação, de Schopenhauer, e com outros filósofos como Hobbes, Platão ou Aristóteles. O filósofo francês Bergson dedicou um dos seus livros inteiramente ao riso, mas onde ainda confunde riso com humor, que são coisas diferentes (há claramente riso sem humor e alegadamente pode haver humor sem riso).

    Outro autor que, embora não seja estritamente um filósofo, escreveu um livro exclusivamente sobre o humor foi Freud. Não conheço tradução portuguesa deste livro em que Freud apresenta uma teoria completa sobre o humor, mas daria qualquer coisa como As Piadas e sua Relação com o Inconsciente.

    Fora os clássicos da filosofia, digamos assim, há filósofos contemporâneos que escrevem sobre filosofia do humor (mas não encontra nada disto em português). O mais importante deles é John Morreall, que tem dois livros inteiramente dedicados ao humor. Recomendo o último, e talvez o melhor de todos, cujo título é Taking Laughter Seriously (State University of New York). Apresenta e discute as três grandes abordagens filosóficas do humor, que eu referi brevemente no programa Câmara Clara. Do mesmo autor, tem ainda Philosophy of Laughter and Humour. Um livro mais recente, com muitos exemplos de piadas a ilustrar a perspectiva do autor, é Jokes: Philosophical Thoughts on Joking Matters, de Ted Cohen (Chicago University Press).

    Para terminar, um livrinho mais pequeno, mas de carácter bastante geral sobre a filosofia do humor, é On Humour, de Simon Critchley (da colecção Thinking in Action, da Routledge).

    Acho que vou postar algo sobre o assunto, dado que houve várias pessoas que me escreveram a querer saber mais sobre teorias filosóficas do humor.

    Para já, espero ter ajudado.

    ResponderEliminar
  5. Rolando,

    Pediste-me para postar o vídeo, mas não consigo. De qualquer modo, está em http://ww1.rtp.pt/multimedia/index.php?tvprog=24806&arquivo=0

    Para quem não viu e quiser ver.

    ResponderEliminar
  6. Sim, ajudou! Vou procurar aqueles que aconselhou. É, de facto, um tema muito interessante. Se vai postar sobre o assunto, vou ficar atenta.
    Obrigada pela disponibilidade e pela ajuda.

    ResponderEliminar