31 de outubro de 2009

Filosofia e snobismo

No artigo "Cultura e Prostituição" protestei contra a instrumentalização da cultura que a transforma num instrumento para alardear imaginadas superioridades sociais. Agora é a vez de Rolando Almeida protestar, mas em particular no que respeita à filosofia, no artigo "Filosofia e Snobismo".

1 comentário:

  1. O poder é exercido em Portugal através da distância e esta é directamente proporcional ao desprezo. Existem professores que exercem o poder desta forma, como existem médicos e outros profissionais. É uma forma de controlar os ímpetos vitalistas.

    ResponderEliminar