21 de outubro de 2009

Wittgenstein contra a linguagem privada

O argumento de Wittgenstein contra a possibilidade de uma linguagem logicamente privada é um daqueles conteúdos centrais da filosofia que muitas vezes é ignorado. Eis um artigo introdutório de P. M. S. Hacker sobre o tema.

1 comentário:

  1. Muito interessante, o artigo exposto. Não tive evidentemente tempom, ao lê-lo, de analisá-lo sistematicamente e em confronto com alguns problemas com que me debato presentemente na minha área de trabalho (sociologia). Mas, de forma abreviada, penso que importa ter em conta na análise das ciências sociais os graus de generalidade que variam entre a singularidade de uma experiência particular e as convenções mais gerais que permitem a construção de um mundo comum (ou de mundos comuns). O que, penso não estar em erro, depende muito estreitamente do estatuto a atribuir à "linguagem privada". Sem dúvida, tenho que frequentar mais e melhor textos como este que aqui deixaram. Obrigado.

    ResponderEliminar