27 de abril de 2010

Ensino e filosofia, linguagem e metafísica

Estarei na UFMG, em Belo Horizonte, nos próximos dias 3 e 4 de Maio para dar duas conferências.

A primeira, intitulada "Ensinar a Filosofar", dia 3 de Maio, às 11:30 horas, dirige-se a alunos de licenciatura e versa sobre alguns dos problemas que o ensino da filosofia enfrenta, sobretudo no ensino médio, e que estratégias se pode usar para os resolver.

A segunda, intitulada "Kripke Acerca da Linguagem e da Metafísica", dia 4 de Maio, às 14:00 horas, dirige-se a alunos de graduação e mestrado que já tenham tido algum contacto com as teorias da referência e do significado de Russell e Frege (descritivismo), e visa esclarecer aspectos centrais da teoria da referência de Kripke, incluindo alguns aspectos da sua metafísica que costumam ser confundidos (e.g. a tese da designação rígida não implica o essencialismo; na verdade, sem ela é impossível ser anti-essencialista).

Sem comentários:

Enviar um comentário