8 de maio de 2010

Orwell sobre a felicidade

No artigo com o enganador título "Podem os Socialistas ser Felizes?" Orwell fala com lucidez da opacidade da felicidade. O que pensa o leitor? Eu já havia referido este texto em "Soberba Epistémica, Estatismo e Legislação".

5 comentários:

  1. Há aqui um engano.

    "Na última parte, em contraste com os com os asquerosos Yahoos, vemos os nobres Houyhnhnms, uma espécie de cavalos inteligentes que não padecem das imperfeições humanas."

    De resto, parabéns por mais uma tradução. Acho que se pode apagar este comentário.

    ResponderEliminar
  2. Caro Desidério Murcho,

    Acabo de publicar no meu blogue um texto (http://llindegaard.blogspot.com/2010/06/sociedades-ideais-e-ideais-de-sociedade.html) em que cito o seu texto "Soberba epistémica, estatismo e legislação" e discuto algumas das ideias que nele defende.

    Melhores cumprimentos

    ResponderEliminar
  3. Acabei de ler o seu interessante artigo quando vi esta sua chamada de atenção. Muito obrigado!

    ResponderEliminar
  4. Os novos links dos artigos:
    - http://criticanarede.com/felicidade.html
    - http://criticanarede.com/soberba.html

    ResponderEliminar