16 de outubro de 2016

Utilitarismo para breve (introdução)

Imagem retirada daqui.

Está para breve a saída de mais uma Very Short Introduction e desta vez é Peter Singer e Katarzyna de Lazari-Radek que escrevem uma introdução ao Utilitarismo. A descrição do livro é a seguinte:
O utilitarismo pode muito bem ser a teoria ética secular mais influente no mundo de hoje. É também uma das mais controversas. Colide, ou pensa-se amplamente que colida, com muitos pontos de vista morais convencionais, e com os direitos humanos quando estes são vistos como invioláveis. Será que, por exemplo, é correcto torturar um suspeito de terrorismo, a fim de evitar um ataque que poderia matar e ferir um grande número de pessoas inocentes?

Nesta Very Short Introduction, Peter Singer e Katarzyna de Lazari-Radek fornecem um relato confiável da natureza do utilitarismo desde as suas origens no século XIX, à sua justificação e às suas variedades. Considerando como os utilitaristas podem responder às objecções que são muitas vezes vistas como devastadoras, eles exploram a resposta utilitarista à questão de saber se a tortura pode alguma vez ser justificada. Também discutem o que é que os utilitaristas devem procurar maximizar, prestando especial atenção à visão utilitarista clássica de que apenas o prazer ou a felicidade têm valor intrínseco. Singer e de Lazari-Radek concluem analisando a importância contínua do utilitarismo no mundo, indicando como este é uma força para um novo pensamento sobre os desafios morais contemporâneos, como a pobreza global, o tratamento dos animais, as alterações climáticas, a redução do risco de extinção humana, as decisões de fim de vida para pacientes terminais, e a mudança para uma avaliação do sucesso das políticas governamentais em termos do seu impacto na felicidade.

Ver mais informação aqui.