22 de dezembro de 2008 Blog

Alvin Plantinga

Desidério Murcho
É inteiramente correcto, racional, razoável e adequado acreditar em Deus sem quaisquer indícios ou argumentos.

6 comentários :

Rui Areal disse...

E acreditar nesta afirmação é correcto, racional, razoável e adequado sem qualquer indício ou argumento?

Peter of Pan disse...

Isso é abrir a caixa de Pandora...

Carlos Pires disse...

Será "correcto, racional, razoável e adequado acreditar em Deus sem qualquer indício ou argumento" se for possível justificar de modo racional, razoável e adequado essa afirmação.
Mas se isso for feito não contará a justificação como argumento ou pelo menos como indício?

Rolando Almeida disse...

Claro, se assim não fosse descobririamos logo que deus não existe :)

Caderno de apontamentos disse...

Acreditar em Deus sem conhecimento exacto da Bíblia é como um castelo de cartas. Basta um sopro para fazê-lo desmoronar.

Valter Boita disse...

Também é inteiramente correcto, racional, razoável e adequado não acreditar em Deus sem quaisquer indícios ou argumentos. Mas por que razão quem não acredita em Deus esmera-se por apresentar os melhores argumentos?

Parece-me que esta afirmação soa a uma certa desistência intelectual!

Arquivo